Com Bola e Tudo

Com Bola e Tudo

Não se iludam com o Bahia! #SantaCruzFeelings

por Guilherme Barbosa, em 2017-05-16 10:24:00

Quem avisa amigo é. E eu vou logo dizendo: relembrem o Santa Cruz na temporada passada, que começou goleando o Vitória 4 a 1 e terminou rebaixado para a Segundona. Aos torcedores do Bahia eu sugiro que printem a tabela do Brasileirão, afinal, Bahia líder da Série A é uma raridade que não deve perdurar por muito tempo.

 

 

 

O Tricolor de Aço começou o Campeonato Brasileiro com uma bela goleada de 6 a 2 sobre o Atlético - PR e ainda está na briga com o Sport Recife pelo título da Copa do Nordeste. Eita! Copa do Nordeste! O Santa foi campeão da Lampions League no ano passado, veja aí mais uma semelhança!

 

Antes que queiram dizer que estou rogando praga pro Bahêa, eu vou logo me defendendo dizendo que só apontei algumas semelhanças… Meras coincidências? Saberemos ao final da 38ª rodada do Brasileirão.

 

E tome gol, mamãe! - A primeira rodada do Brasileirão terminou ontem (segunda-feira, 15) e teve a segunda melhor média de gols da rodada de abertura na era dos pontos corridos do Brasileirão. Foram 33 gols em 10 partidas. Uma média de 3,3 gols por jogo.

 

 

 

A única vez em que o Campeonato Brasileiro começou com uma média de gols superior a 2017 foi em 2007, quando a média de gols da primeira rodada foi de 3,9 gols por partida.

 

Em metade dos jogos da primeira rodada os placares tiveram 4 gol ou mais:

 

Fluminense 3 x 2 Santos - Maracanã

 

Palmeiras 4 x 0 Vasco - Allianz Parque

 

Bahia 6 x 2 Atlético - PR - Fonte Nova

 

Ponte Preta 4 x 0 Sport - Moisés Lucarelli

 

Coritiba 4 x 1 Atlético - GO - Couto Pereira

 

Veja a média de gols das primeiras rodadas do Brasileirão na era dos pontos corridos:

 

2003 - 2,9

2004 - 2,4

2005 - 2,5

2006 - 1,8

2007 - 3,9

2008 - 2,6

2009 - 2,5

2010 - 2,7

2011 - 2,4

2012 - 2,0

2013 - 2,6

2014 - 1,6

2015 - 2,8

2016 - 1,4

2017 - 3,3

 

Visitantes não tem vez - A primeira rodada do Brasileirão teve outra marca histórica. Pela primeira vez desde 2003, quando a disputa passou a acontecer no sistema de pontos corridos, nenhum time visitante conseguiu vencer. Foram dez jogos, com sete vitórias dos mandantes e três empates.

 

Em mais de dez anos de disputa, as edições que tiveram menos vitórias dos visitantes foram 2003, 2010, 2013 e 2015, com apenas um triunfo de visitante em cada uma.

 

O Brasileirão 2017 foi também a edição com o maior número de vitórias dos mandantes, igualando a edição de 2004, mas naquele ano o Brasileirão tinha 24 times. Se continuar assim, o Brasileirão deste ano acabará sendo um dos mais competitivos da história. Quem perder pontos em casa vai lamentar.

 

Confira as campanhas dos mandantes na primeira rodada do Brasileirão de 2003 pra cá:

 

2003 - 3 vitórias, 8 empates, 1 derrota

2004 - 7 vitórias, 3 empates, 2 derrotas

2005 - 3 vitórias, 3 empates, 5 derrotas

2006 - 5 vitórias, 3 empates, 2 derrotas

2007 - 5 vitórias, 1 empate, 4 derrotas

2008 - 5 vitórias, 2 empates, 3 derrotas

2009 - 3 vitórias, 5 empates, 2 derrotas

2010 - 6 vitórias, 3 empates, 1 derrota

2011 - 5 vitórias, 1 empate, 4 derrotas

2012 - 4 vitórias, 4 empates, 2 derrotas

2013 - 6 vitórias, 3 empates, 1 derrota

2014 - 4 vitórias, 4 empates, 2 derrotas

2015 - 5 vitórias, 4 empates, 1 derrota

2016 - 5 vitórias, 3 empates, 2 derrotas

2017 - 7 vitórias, 3 empates, 0 derrota